Grupo AGP

Telefone: (11) 3158-1200

A inovação no marketing promocional

sábado, 27 de abril de 2013 - Por Daniel Fernandes, gerente Comercial da MIB Group S/A

Que o varejo brasileiro só se desenvolve, não há dúvidas. É um dos segmentos que mais movimenta a economia e que emprega pessoas, principalmente depois do fortalecimento das classes C e D, que passaram a consumir substancialmente.

E para acompanhar essa linha, as empresas precisam buscar e implementar inovações diariamente. Não basta apenas produzir um sabão em pó ou uma guloseima com ingredientes de qualidade, com processos modernos ou com embalagens desenvolvidas por grandes designers. Claro que tudo isso é importante, mas devemos pensar no seguinte: na gôndola ou nos corredores das lojas e supermercados, o que atrai a atenção do consumidor? Preço é importante? É óbvio que sim, mas será que a pessoa que passa pelo local não pode ter todos os seus sentidos despertados e, assim, comprar o tal produto?

E é aí que está a importância do marketing promocional, que está cada vez mais avançado. É ele quem ajudará a despertar a curiosidade em comprar determinado produto, o que o torna essencial atualmente. Porém, não basta apenas criar displays coloridos e “poluir” visualmente os pontos de venda.

É necessário ter inteligência e estratégia, além de inovação para atingir o público alvo. E isso quer dizer: despertar os cinco sentidos do consumidor, seja por meio de aromas nos PDVs, mecanismos de interação etc.

De acordo com a Associação de Marketing Promocional (Ampro), em 2011, o mercado movimentou quase R$ 40 bilhões e 53% das empresas direcionaram mais verba para ações promocionais do que para propagandas. Para 68% das empresas entrevistadas, a verba empregada em ações promocionais cresceu, em média, 28%.

Além disso, de acordo com estudo realizado pela Universidade Federal de Alagoas, o setor dificilmente perderá o ritmo de crescimento neste ano. As ações promocionais terão, em sua maioria, foco na Copa do Mundo e nas Olimpíadas.

E para enfrentar a acirrada competição atual e a que surgirá, a estratégia no marketing promocional está ligada diretamente a algumas tecnologias modernas, como o cheiro nos pontos de venda. É possível expor uma marca de chocolate, por exemplo, e usar mecanismos que vão exalar aquele aroma no local, fazendo com que o consumidor não resista.

Ou então, usar efeitos holográficos, com imagens em três dimensões e visíveis em 360 graus? Essas inovações já fazem parte do nosso dia a dia e a tendência é que se tornem cada vez mais utilizadas. E também podemos esperar mais novidades nos próximos meses, mesmo porque, o varejo não para de inovar. E, por conta disso, o marketing promocional deve seguir os mesmos passos e estar cada vez mais evoluído.

« Voltar